Conflitos de relacionamento: existe cura?

Conflitos de relacionamento: existe cura?

"Se amamos, sofremos. Se não amamos, adoecemos" - Freud

+ 21 respostas

Depende da situação, se for um relacionamento disfuncional, mas que ambos estão dispostos a se dar mais uma chance é possível resolver sim, um relacionamento tóxico grau leve também é passível de resolução, porém quando se trata de um relacionamento com grande nível tóxico ou abusivo que muitas vezes envolve violência doméstica, é recomendável o afastamento do parceiro. Ressalto que problemas conjugais não é um doença por isso o termo cura não ...

Ver mais

A "cura" depende dos envolvidos buscarem melhoria e mudança, pois se há conflitos que desgastaram uma relação, será necessário rever comportamentos, expectativas e principalmente a busca de autoconhecimento para que cada um possa assumir seu papel e responsabilidade. Por isso a terapia de casal, muitas vezes demanda que haja terapia individual em paralelo, há problemas que não são com o outro mas consigo, e apenas depois de superar será possível...

Ver mais

Sim, existe cura desde que os dois estejam dispostos a rever sua posição no relacionamento. Deve haver diálogo, compreensão e acima de tudo respeito mútuo. O casal precisa estar disposto a rever suas atitudes disfuncionais e aprender a lidar de forma assertiva com as situações adversas.

O primeiro passo é que os dois estejam dispostos a buscar a melhoria necessária. Sendo assim, é possível sim ajustar a dinâmica da relação e ter um relacionamento feliz e saudável. Eu como Especialista em Relacionamentos irei verificar qual ou quais pilares precisam serem modificados. Alguns Pilares que são verificados e trabalhados por mim: Saúde, Comunicação, Convivência, Necessidades, Vínculo Afetivo, Valores, Acordos e outros

Boa tarde! Sim, existe. Porém eu não usaria a palavra "cura" e sim solução. Talvez você tenha usado a palavra cura porque o relacionamento está conflituoso há muito tempo, ao ponto de parecer uma doença. Toda forma de se relacionar pode mudar. Se você estiver em um relacionamento conflituoso, seja o tipo que for e ainda não começou terapia com ninguém, me procure. Terei o maior prazer em te atender 🙂

Os conflitos favorecem o amadurecimento no relacionamento, por tanto, discussões e conflitos são naturais, já que um relacionamento envolve 2 ou mais pessoa com personalidades, pensamentos e valores próprios. O conflito em si não é um problema desde que seja manejado de forma respeitosa através do diálogo, em que cada uma das partes pode colocar seu ponto de vista e juntas possam criar combinados que sejam proveitosos para ambos. Vale ressaltar,...

Ver mais

Existem caminhos para que tais conflitos sejam percebidos e trabalhados. A demanda emocional de um relacionamento, seja qual for, requer que todos os envolvidos estejam dispostos a exercitar um trabalho pessoal de empatia, disponibilidade, paciência e respeito. A partir deste movimento, trabalhar em parceria de forma mais realista. Afinal são pessoas diferentes, com características singulares tentando coexistir.

Conflito de relacionamento não é doença, então não se fala em cura! Se fala em entender os conflitos para resolvê-los, estabelecer uma comunicação assertiva, o que pode ser trabalhado em psicoterapia

Conflito de relacionamento não é uma doença. Conflito esta sediado na comunicação e precisa ser identificado a "raíz"e isso é perfeitamente resolvido em uma jornada terapêutica.

Conflito no relacionamento demanda dois conhecimentos. Primeiro o autoconhecimento, depois demanda conhecer o outro. Se interessar pela história do outro, saber qual o conteúdo da sua bagagem, suas relações , sua rede de afeto importante. Sabendo o lugar que você está e com quem você está , será mais fácil ter uma boa compreensão do ser e agir do seu parceiro ou parceira e estará mais apropriada do seu jeito de agir também. Os impasses poderão s...

Ver mais

Não existe cura para aquilo que não é doença. Conflitos no relacionamento podem ser saudáveis, pois relações não são a perfeita comunhão de duas pessoas. Ao contrário, duas pessoas que se relacionam pensam de formas diferentes em vários aspectos, o que pode gerar discordância, além, claro das relações gerarem frustração das expectativas que se tem diante do outro. Apenas em um tratamento psicoterápico, olhando o caso a caso, seria possível para...

Ver mais

Na minha opinião, não. Não, porque não se trata de uma doença, daí não haver cura. Nem tudo na vida está relacionado a uma psicopatologia médica e determinista. Essas questões, no meu modo de ver, estão relacionadas a um amadurecimento emocional que dá sustentação e base, para que a pessoa possa ressignificar seu sentido de vida e relações interpessoais.

Os conflitos de relacionamentos são a cura!Todo conflito é sinal de que algo não está funcionando mais então é preciso fazer uma analise do que cada um esta querendo e o que é melhor pra relação. O querer esta ligado ao comportamento de ambos,temos linguagem corporal,tom de voz e um tipo de comunicação,que na maioria das vezes é violenta.Então a cura esta na maneira como lidamos com as crises,os erros e aprendizagem na relação.

Sim! É possível identificar quais são as causas dos conflitos e com isso buscar uma melhor resolução para o problema! Tudo isso vai acontecer através da psicoterapia de casal, que deve ser feita com um profissional especializado (psicóloga)

O diálogo, a comunicação entre os casais, ao longo de um relacionamento, vai se tornando cada vez mais escassa.. E com isso os conflitos vão se ampliando. Na terapia de casal, buscamos desenvolver essa habilidade entre as partes, e com isso gerar possibilidades de acordos, tornando o relacionamento mais assertivo.

Pode existir, mas dependerá muito da capacidade de entendimento dos parceiros envolvidos.

A resposta adequada a sua pergunta não seria exatamente "cura",mas sim mudança de perspectiva em relação a o que provoca os conflitos,isto é,algumas vezes a pessoa "exagera" na percepção de como o outro interage no relacionamento ou as vezes a pessoa pode não perceber aspectos do relacionamento que já estavam presentes desde o início e que pode torna-los pouco viáveis com o passar do tempo.Então, o que denomina cura,poderia ser mudanças de modo ...

Ver mais

Quando se fala em relacionamento é preciso trabalhar com os pensamentos incapacitantes e limitantes que permeiam a estrutura psíquica do indivíduo afetado com o possível sofrimento que vai gerando os conflitos.

Sim, o trabalho na psicoterapia ajuda a pessoa a compreender os motivos dos conflitos e a lidar melhor com as possibilidades de resolução das questões que a vida apresenta.

Podemos mudar a maneira de lidar com situações que geram conflitos nos nossos relacionamento e ate mesmo a maneira que lidamos com nos mesmo, para isso a TCC trabalha as habilidade sociais como comunicação e resolução de problemas para auxiliar a pessoa a lidar com os conflitos relacionamentos.

Existe sim forma através da terapia cognitivo comportamental do paciente identificar as crenças limitantes que geram os comportamentos inadequados e que se desdobram nos conflitos de relacionamento. E dessa forma revendo essas crenças construir novos comportamentos mais adequados.

Usamos cookies que armazenam informações suas com o objetivo de melhorar sua experiência com nossos serviços, de acordo com nossos Termos de Uso.