Quando buscar ajuda de um psicólogo?

Quando buscar ajuda de um psicólogo?

“Tá, mas quando eu tenho que ir a um psicólogo?”

Comumente tem-se a crença de que sofrimento emocional é “coisa de louco” e que, por isso, precisa de ajuda de um profissional psicólogo. Além disso, culturalmente se tem a ideia de que é preciso sempre estar bem, contente e forte nas situações de sua vida, inclusive naquelas mais difíceis.

Essa concepção coloca na terapia uma visão estigmatizada, fazendo com que muitas pessoas que se beneficiariam da psicoterapia deixem de buscar ajuda. Afinal, se a psicoterapia realmente evolvesse estes aspectos (o que não é verdade), fazer terapia estaria fora de cogitação porque reforçaria o sinal de que, de fato, você é infeliz, fraco e, por isso, precisaria de ajuda.

Muitas pessoas não aguentam mais viver da maneira que estão vivendo, mas não tem ideia do que fazer para mudar ou o que devem mudar.

O psicólogo tem o conhecimento das emoções humanas e de seus funcionamentos, bem como de uma escuta qualificada que lhe permite compreender profundamente a pessoa que busca ajuda. Desta forma, é capaz de provocar e auxiliar as pessoas a viverem de uma forma diferente daquela que estão habituadas, experimentando maior bem-estar, qualidade de vida e alívio do sofrimento.

Sintomas físicos provenientes da ansiedade, sensação de não pertencer a lugar algum, problemas familiares, dificuldade em se relacionar, sofrimento de um trauma, excesso de insegurança, insatisfação com a vida e dificuldade em superar uma perda são alguns dos motivos pelos quais pessoas buscam a psicoterapia.

E você, tem algum outro motivo que acredita ser uma boa razão para buscar a psicoterapia?

Usamos cookies que armazenam informações suas com o objetivo de melhorar sua experiência com nossos serviços, de acordo com nossos Termos de Uso.