O que está prevalecendo na sua vida? As feridas ou o amor próprio?

O ano de 2021 já está quase acabando, quais foram as suas experiências neste ano? Expectativas? Realizações? Frustrações?

Talvez este seja o momento ideal para uma reflexões sobre essas questões.

Começar a pensar e estabelecer metas para serem alcançadas sem exaustão.

É claro e evidente que existe muitas coisas que estão fora do nosso alcance, porém, existe algo que deve ser priorizado na sua lista de objetivos: O amor-próprio.

Segue algumas dicas:

♡ Crie hábitos diários: Se Desligar das redes sociais ao menos 30 minutos. Neste tempo, pense em coisas que te geram sensação de prazer, como tomar um café, um suco preferido, ler um livro que goste, se olhar no espelho, passar um óleo ou hidratante no seu corpo, apreciando o mesmo, por tudo o que ele já passou na sua trajetória de vida.

♡ Participe de alguma atividade coletiva: O amor-próprio não é viver sozinho. Pelo contrário, é de extrema importância poder contar com uma rede de apoio com pessoas a nossa volta, para te auxiliar a focar e se motivar. A energia de positividade é contagiante, por isso é importante ter pessoas que você gosta ao seu redor.

♡ Faça uma lista das suas Conquistas até hoje: Para obter ou manter o amor próprio é necessário reconhecer o amor que te rodeia. Sendo assim, nós seus momentos de tristezas, dificuldades, escreva sobre as coisas boas que você já experimentou. Ao ver as suas conquistas escritas em um papel, terá mais facilidade de perceber toda a positividade e amor que o cerca.

♡ Lembre-se que seu corpo é como um depósito: Guardar coisas boas vivenciadas favorece a energia pessoal. Tenha a consciência e a escolha do que quer depositar no seu corpo. Não de formas ou estética, porém, de guardar apenas o que te faz bem, o que te deixa funcional, o que te motiva a seguir.

♡ Faça uma geral no seu guarda roupa, cômoda, armário... :

Você talvez não tenha noção do quanto isso é terapêutico. Limpar, organizar, afeta de forma positivamente a mente. Desapegar de coisas velhas, nunca usadas, vai dar espaço para coisas novas entrarem na sua vida. Faxinar a mente é uma excelente forma de deixar para trás o que não te acrescenta. Dando abertura para o melhor entrar e fazer morada. Ver menos

@psicologamarcelacarvalho

Usamos cookies que armazenam informações suas com o objetivo de melhorar sua experiência com nossos serviços, de acordo com nossos Termos de Uso.