Terapia Cognitivo Comportamental

A terapia Cognitivo Comportamental (TCC) surgiu por volta dos anos 70, época em que a Psicanálise e Análise do Comportamento já estavam bem fundamentadas. Aron Beck que era psicanalista e cientista, tentava validar na prática todas as teorias da psicanálise em estudos experimentais, quando observou que os indivíduos apresentavam pensamentos rápidos e não tão bem elaborados que causavam desconforto. Com o tempo ele conseguiu provar que é possível modificar esses pensamentos, avaliando-os e conversando sobre eles. Surge então a teoria cognitivo comportamental!

A grosso modo essa abordagem prega que não são as situações que geram emoções e comportamentos, mas sim a mediação dos pensamentos, ou o que pensamos sobre tais situações.

O esquema é o seguinte:

SITUAÇÃO ->PENSAMENTO ->REAÇÃO (comportamental, emocional,física...)

Ou seja, mudando a forma como penso, consequentemente, altero minhas reações comportamentais e emocionais. É claro que esse processo exige comprometimento e tempo, até porque muitas vezes, nem percebemos os pensamentos, mas apenas as emoções geradas por eles.

 O Objetivo do processo em TCC é entre tantas coisas, ajudar o cliente a elaborar estratégias mais funcionais e adaptativas para lidar com as situações do dia a dia, resolver conflitos, melhorar como se sente, e desconstruir pensamentos disfuncionais ou inadequados que causam desconforto e atrapalham na rotina; de modo a melhorar a qualidade de vida.

Pesquisas recentes apontam alta eficácia desta abordagem em tratamentos de transtornos de Humor e personalidade, entre outros.

E você? Tem conseguido avaliar seus pensamentos e lidar sozinho com seus conflitos?Sentiu-se curioso, ou gostaria de conversar mais sobre isso?

Entre em contato para falarmos mais sobre este assunto tão atual.

Um grande Abraço!!!