Ciúme, eu tenho este sentimento?

Mais o que é o ciúme? Ciúme é uma mistura de vários sentimentos negativos que temos sobre nós mesmo, sobre as pessoas e sobre o mundo. Os sentimentos de incapacidade, baixa autoestima, insegurança, raiva, medo, desconfiança, falta de amor próprio podem distorcer imagens mental que só acontecem na nossa imaginação. A nossa crença central de que não somos capazes de ser amado(a), que alguém goste da nossa companhia vai no decorrer do tempo criando situações que nos fazem sofrer e o outro(a) que está a nosso lado.

Diante dessa situação de total insegurança, começamos na busca do controle do outro expressando com frases do tipo: “eu te ligo sempre para saber se estar bem”, “eu me preocupo muito com você”, “quando não deixo você sair só, é porque o mundo estar muito violento...e por ai tem muitas frases justificando o controle do outro. Essas situações acontecem em todos os âmbitos de relacionamentos, de família e sociais tornando o convívio insuportável.

A falta de autoconhecimento nos coloca em lugar de sofrimento e dor, à medida que me aceito como sou, consigo avaliar o que estou vivenciando não é saudável e nem me faz feliz.

É necessário compreender o que é ciúme ou fato, pois, encontraremos condições de evitar certos conflitos que desgastam tanto as relações. Em meio a tudo isto surgi uma afirmação: “encontrei marca de batom na camisa dela”, “ela não era tão vaidosa e agora vive no salão toda semana”. No pensamento e no sentimento da pessoa que passa por esta situação tudo é verdadeiro de tal forma que detalha situação somente imaginárias. Quando a “verdade” não surgi o mais indicado é buscar uma orientação psicológica diante do conflito que por vezes é somente seu.

A descoberta de nós mesmos as vezes é demais para aceitarmos. Nunca é tarde para darmos novo significado as demandas que nos aparece, aceitarmos como somos limitados e imperfeitos pode nos trazer mais alegria e felicidade.