Sofrimento psíquico: não escolhemos tê-lo, mas podemos escolher enfrentá-lo.

O sofrimento psíquico pode ser um sinal de que algo não anda bem. Pode manifestar-se de diversas formas, em comportamentos ou sonhos recorrentes, insônias, angústias, pode aparecer “disfarçado” em dores ou manifestações no corpo, que parecem não ter ralação com o emocional.

Pode surgir sem motivos aparentes ou diante algum acontecimento ruim ou até mesmo bom, que de alguma forma nos impacta.

A singularidade humana faz com que sentimentos fáceis de lidar para alguns, causem sofrimento a outros. Não é simples sinal de fraqueza, cada pessoa reage dentro de suas possibilidades. Não se escolhe o sofrimento, mas pode-se escolher enfrentá-lo.

A psicoterapia de orientação psicanalítica, através da escuta feita por um psicólogo, busca entender as causas do conflito, auxiliando no enfrentamento e questionamento das questões que emergirem, possibilitando a responsabilidade sobre sí. 

Denise Bühler - CRP 15/5476

Usamos cookies que armazenam informações suas com o objetivo de melhorar sua experiência com nossos serviços, de acordo com nossos Termos de Uso.