Psicoterapia online, quarentena e Covid-19

Pessoas pelo mundo sendo colocadas em quarentena. Medida eficaz para conter o contágio, mas que traz consequências para a saúde mental da população.

Segundo fontes da BBC NEWS, o Covid-19 já infectou mais de 80 mil pessoas em cerca de 50 países. Na Itália várias cidades estão em quarentena, as pessoas não podem sair sem uma permissão especial.
A quarentena pode ocorrer como um período de isolamento e restrição de movimentação de pessoas que foram potencialmente expostas a uma doença contagiosa, com o objetivo, nesse período, de determinar se eles se sentem mal ou se desenvolvem sintomas, para reduzir o risco de infectar outras pessoas. Ou ocorrer a restrição em pessoas que não foram expostas ao contágio, nesse caso, como medida preventiva, para que o vírus não se espalhe rapidamente.

Porém, apesar de eficiente, esse isolamento da quarentena traz consequências para a saúde mental das pessoas.

Um estudo publicado pela revista britânica Lancet abordou o medo e a solidão sofridos por aqueles que enfrentam uma quarentena como consequência do coronavírus. Entre os efeitos negativos da quarentena estão o estresse pós-traumático, confusão, raiva e ansiedade.

A pesquisa mostrou que entre os fatores que mais estressam as pessoas isoladas, estão, não saber quanto tempo durará a quarentena, medo de serem infectados, frustração, tédio, suprimentos ou informações inadequadas, possíveis perdas financeiras e que, ao sair, fiquem com o estigma da doença. Esses fatores se potencializam quando a pessoa enfrenta uma quarentena sozinha em casa.

A China, em reconhecimento à importância da saúde mental ao lidar com o coronavírus, colocou à disposição da população, plataformas online de instituições médicas e universidades para fornecer serviços de aconselhamento psicológico a pacientes, familiares e outros afetados pela epidemia.

A realidade que se apresenta é a de que, ainda que com consequências à saúde mental, a quarentena é um dos meios mais eficientes de barrar o contágio do Covid-19. E a psicoterapia online se estruturou no Brasil em 2018, através da resolução CFP n° 11/2018, a tempo de enfrentar talvez, o seu maior desafio, o de lidar com pessoas que estão com medo de sair às ruas ou que terão que enfrentar uma quarentena, voluntária ou forçada.

Nós, psicólogos cadastrados na plataforma E-Psi estaremos preparados para auxiliar no enfrentamento do coronavírus, dentro das orientações do CFP e CRPs.


Fonte de pesquisa:

https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/03/09/coronavirus-o-efeito-psicologico-da-quarentena-forcada-para-tentar-conter-a-covid-19.ghtml

Usamos cookies que armazenam informações suas com o objetivo de melhorar sua experiência com nossos serviços, de acordo com nossos Termos de Uso.